segunda-feira, setembro 05, 2005

Uma mulher de armas


JN
Onze votos contra formalização do apoio Soares

A Comissão Nacional (CN) do PS formalizou ontem o apoio à candidatura presidencial de Mário Soares. Dos 175 inscritos na reunião, 11 militantes votaram contra e um absteve-se. No final, Helena Roseta, uma das principais opositoras da opção socialista, anunciou que não irá entrar na campanha eleitoral.
Defendendo a"necessidade de uma candidatura de unidade à Esquerda", que agora estará comprometida, Helena Roseta manifestou a sua discordância relativamente a "muita coisa declarada pelo secretário geral do PS" e afirmou aguardar que "até às eleições surja um grupo de cidadãos que possa apoiar outro candidato". Até porque, alertou "é com preocupação que vejo surgir a hipótese de candidatura de Cavaco Silva depois de, enquanto primeiro-ministro, ter deixado o país como deixou".


Se tivéssemos mais políticos como esta mulher o país estaria melhor. Defende as suas convicções e não gosta de andar em rebanho.

1 comentário:

Geosapiens disse...

...para quem quiser saber há uma candidatura realmente independente á Presidência da Republica...mais em: http://www.manuelamagno.com.pt/